Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 30 de Março, 2016

Não sei a fonte da notícia do +Central ao informar que um ano após o fim das cotas leiteiras, 1 de abril de 2015, 60% dos 2132 produtores de leite Açorianos estão em falência técnica, mas sem dúvida que é um número assustador.

Mais o mais grave é não haver políticos que assumam responsabilidades por se ter chegado a esta situação. Há anos que se sabe que a União Europeia pretendia acabar com as cotas de leite e por cá não se reformou o sistema de modo adequado a estar preparado quando a pretensão se concretizasse.

Diz-se nos Açores que temos uma produção extensiva em vez de intensiva, ecologicamente saudável, que o leite açoriano tem ingredientes que favorecem mais a saúde face aos produzidos noutras regiões e até temos áreas leiteiras em ilhas que são em grande parte reservas da biosfera… depois de tantas virtudes anunciadas aos Açorianos como é possível que os nossos laticínios esbarrem por esse mundo fora com a concorrência de produtos vindos de unidades intensivas e de menores virtudes qualitativas de sabor, menos saudáveis e danosos para o ambiente?

Então tais virtudes não se deveriam refletir num produto que sairia agora imune à concorrência de preços?

Esta crise no setor leiteiro Açoriano só pode dizer seguinte: ou o Governo dos Açores enganou os Açorianos sobre as virtudes da nossa produção ou não soube implementar uma política em que o setor tirasse a vantagem adequada de tão grandes virtuosidades ou ainda um misto destas duas falhas.

Apesar da conclusão que se pode tirar, ninguém responsável pela implementação da política do setor leiteiro nos Açores assume culpas da crise em que entalaram os produtores de leite Açorianos.

Read Full Post »

%d bloggers like this: